Compartilhar share

Inalguração da primeira etapa do Areporto Regional Sul

Publicado em 27/01/2006 às 00:00 - Atualizado em 15/10/2014 às 15:19


O governador Luiz Henrique da Silveira inaugura neste dia 27 de janeiro, às 15 horas , a primeira etapa do Aeroporto Regional Sul, em Jaguaruna. A data foi confirma da pelo secretário regional do Tubarão, Adomir Matos, após receber o parecer favorável do tenente Ricardo Moratta, que ontem vistoriou o aeroporto representando o Cindacta II. Na semana passada, o Serviço de Engenharia da Aeronáutica (Sereng-5) e o Cimdacta II já haviam apresenta do laudos favoráveis.

Concluida a primeira fase, já se tem a estimativa de custos para os projetos da segunda etapa. Serão investidos cerca de R$ 600 mil na contratação dos 22 projetos:

Terraplanagem, levantamento planialtimétrico, arquitetônico, drenagem, elétrico, estrutural, fundações, hidro-sanitário, prevenção de incêndio, proteção atmosférica, sono rização. telefônico, ar condicionado, tratamento de esgoto. sondagem a percussão, rede lógica, viário pátios e acessos internos, iluminação pátios e acessos internos, via de aces so. paisagismo, balizamento noturno e PAPI e rede de energia e telefonia.

O governador Luiz Henri que informou aos secretários Ademir Matos e Jatir Amorim e ao deputado estadual Gonésio Goulart que vai assinar no dia 27 a autorização para a contratação dos projetos necessários ao prosseguimento das obras do aeroporto. "Vamos receber o governador Luiz Henrique com grande entusiasmo, já que ele trará mais boas notícias para a Amurel%u201D, comemorou o deputado Genésio Goulart.

A primeira etapa do Aeroporto Regional Sul está concluida. Foram gastos na obra R$ 22.404.739,07 , sendo 46,57% de recursos federais e 53,43% de contrapartida do governo catarinense. As Prefeituras da Amurel também firmaram um consórcio responsável pelo pagamento das desapropriações dos terrenos.

O aeroporto de Jaguaruna terá a maior pista do estado. São 2.500 metros de pavimento, por 30 metros de largura - maior em extensão que os aeroportos de Florianópolis e Chapecó, cujas pistas de pouso e decolagem chegam a 2.300 metros o 2.050 metros. O aeroporto está projetado para atender as necessidades por 50 anos e servirá a uma população de cerca de 900 mil habitantes.

Fonte: Jornal de Bairro


Galeria de Arquivos